Criolipólise

criolipolise
Para que serve?

Eliminação ou redução de gordura localizada.
A criolipólise é um procedimento não invasivo que pode eliminar definitivamente até 30% de gordura em uma única intervenção.
A técnica vem fazendo tanto sucesso que já é considerada como “a nova lipoaspiração”, com a vantagem de não ter os riscos e os cuidados pós-operatórios de um processo cirúrgico.

Como é feita?
A técnica, criada na Universidade de Harvard, é um método sem cortes, sem uso de agulhas ou necessidade de anestesia. A criolipólise é feita com a ajuda de um aparelho específico cujos aplicadores (manoplas) acoplam-se às diferentes áreas do corpo. A ponteira do aparelho realiza um vácuo que promove a sucção da pele e da porção de gordura localizada. O tratamento promove a destruição das células de gordura. Através do resfriamento controlado, age seletivamente sobre as células adiposas, mais sensíveis ao frio, sem causar qualquer dano a nervos, músculos e outras estruturas próxima.
Em consequência, o corpo entende que as células de gordura mortas não fazem mais parte do organismo e as expele naturalmente.

Curiosidades frequentes
Dói?
O método não é doloroso, gera apenas um desconforto inicial pela tração da pele ao se colocar a manopla, mas que logo desaparece.
A região tratada pode ficar avermelhada ou inchada, mas essas reações desaparecem em poucos dias.
O paciente pode voltar às atividades normais logo após o procedimento.

Um dos tratamentos mais inovadores com os resultados mais estimulantes!

Resultados da Criolipólise

Os estudos científicos realizados em Harvard mostraram redução de 20% a 25% da gordura localizada, na região tratada, em uma única sessão. Contudo, como cada metabolismo possui características únicas, esse quadro pode variar um pouco. Mas, normalmente, uma ou duas sessões já são suficientes para trazer resultados. A partir do décimo dia a quebra de gordura já pode ser visível, mas o efeito máximo acontece de dois a três meses após a sessão.

Cuidados especiais
A Criolipólise é contraindicada para gestantes, para pessoas com sensibilidade ao frio, com hérnias no local da aplicação, infecções na pele ou que passaram por cirurgia recentemente.
Para quem pretende emagrecer, vale lembrar que o método combate a gordura localizada e não o excesso de peso ou mesmo a gordura visceral, aquela que se deposita entre os órgãos.

Quer conhecer melhor essa técnica tão inovadora que é a Criolipólise? Converse conosco ou agende uma avaliação gratuita.